Criminal

22/11/2022

MPPR promove Operação Fissura, com cumprimento de quatro mandados contra vereador de Francisco Beltrão investigado por possível “rachadinha”

Expresso MP

     

     

O Ministério Público do Paraná, por meio da 6ª Promotoria de Justiça de Defesa ao Patrimônio Público de Francisco Beltrão, no Sudoeste do estado, deflagrou na manhã desta terça-feira, 22 de novembro, a Operação Fissura, que apura o possível envolvimento de um vereador do município em crimes de peculato, concussão, corrupção e organização criminosa. O parlamentar é investigado por indícios da prática do recebimento de parte de remuneração de servidores comissionados do Legislativo municipal (conduta conhecida como “rachadinha”).

Com apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão na Câmara Municipal de Francisco Beltrão e nas residências do vereador investigado e de um ex-servidor ocupante de cargo comissionado. Além disso, houve o afastamento cautelar do agente político do cargo público. As ordens judiciais foram expedidas pelo Juízo da Vara Criminal da Comarca.

De acordo com a investigação do MPPR, entre 2021 e 2022 o vereador teria desviado parte da remuneração de dois servidores comissionados que tiveram nomeação e manutenção no cargo condicionadas ao repasse mensal de parte do salário.

Informações para a imprensa:
Assessoria de Comunicação
comunicacao@mppr.mp.br
(41) 3250-4249

Recomendar esta notícia via e-mail:
Captcha Image Carregar outra imagem